Oferecer um ambiente digital organizado é um compromisso da escola que auxilia os estudantes no que mais importa: o aprendizado eficaz

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.

Gestão escolar
21/12/2023
Por: Rafael Munhos
Compartilhar:

Um método de estudo ordenado e disciplinado é essencial para que o aluno tire o melhor de sistemas de ensino, sejam eles presenciais, a distância ou híbridos. Para isso, no entanto, é preciso que os materiais e as plataformas digitais fornecidos pela escola sejam organizados, fáceis de entender e, principalmente, focados nas reais necessidades dos estudantes.

Para instituições que passaram anos ou décadas centradas no modelo de ensino presencial, proporcionar um ambiente virtual eficaz pode ser um desafio, especialmente quando não se leva em consideração que é dever da escola e do professor facilitar a jornada do aluno no ambiente digital.

Claro, crianças e jovens têm habilidades digitais organicamente estruturadas em um dia a dia cada vez mais online. Mas isso não significa que basta o docente fornecer todo o material, de uma vez, para que o estudante aprenda. É preciso pensar no ambiente digital e organizá-lo de maneira clara e intuitiva, criando-se uma trilha em que cada experiência conta. Isso irá proporcionar maior eficiência e uso do tempo investido tanto para quem ensina, quanto para quem aprende.

Não adianta, por exemplo, que cada professor disponibilize, à sua maneira, o conteúdo de sua disciplina em uma pasta na nuvem de maneira desordenada, ou apenas listar uma série de conteúdos e plataformas digitais para os alunos sem prover tutoriais e mapas de uso. Plataformas digitais de ensino podem ser organizadas de diferentes maneiras, mas precisam, a todo custo, estar de fato ancoradas em uma sistemática que possa ser rapidamente compreendida. É a famosa “experiência” intuitiva. 

É possível separar os conteúdos de uma determinada disciplina por data ou semana; também dá para organizar por tópicos. Independentemente da maneira em que será feito esse arranjo, deve-se criar um método de mural, no qual sejam disponibilizados avisos importantes, e uma tabela de conteúdo simples e clara, em que estudantes e outros professores possam encontrar uma espécie de índice do que será abordado na disciplina. Métodos de organização unificados, nos quais a própria escola orienta os professores sobre como usar determinada plataforma digital, também podem ser eficazes.

A enorme quantidade de ferramentas e recursos online, quando oferecida de maneira desordenada, pode ter um efeito de sobrecarga sobre o aluno – e, assim, repelir seu interesse no estudo, em vez de facilitar o aprendizado. Por isso, docentes e instituições precisam reservar tempo de planejamento para a boa estruturação e a organização do meio digital. Como resultado, além da economia de tempo no futuro, terão maior possibilidade de sucesso no aprendizado do estudante.